Como fazer um Lançamento?





Se você chegou até aqui muito provavelmente sabe do que vamos conversar aqui hoje, mas, só para contextualizar melhor sobre lançamentos, eles nada mais são que o planejamento das ações comerciais e de marketing para a exposição de um novo produto. E pode ter certeza que, mesmo sem perceber, você já foi consumidor de algum produto/serviço lançado por esse método.

Mas, calma, ao fim deste texto você entenderá melhor porque já consumiu e porque vale a pena fazer um.

Antes, saiba que é preciso planejar com atenção, porque somente o lançamento não é suficiente, é preciso saber que a primeira impressão do cliente é importante. E para conseguir fisgar de cara, você precisa estar atento a quatro passos:

 

  1. PESQUISAR O MERCADO: Enxergar as oportunidades e buscar as soluções. Quais são os problemas que merecem mais atenção? É possível pensar em soluções?

É preciso verificar a demanda. Quantas vezes você já procurou um produto, solução ou resposta na internet e não encontrou?

Além disso é preciso saber também o que as pessoas estão buscando na internet, e para isso é possível acessar algumas plataformas como por exemplo: Google Trends e Google Keyword Planner.

Feita essa pesquisa de mercado, ainda é preciso dar um outro passo muito importante: Montar a persona. Numa linguagem simples, a persona é um tipo de cliente que você constrói, um comprador baseado no fruto da pesquisa de mercado. Montando a persona é mais fácil pensar em estratégias de marketing e nas necessidades a suprir.

Outro passo importante dentro da pesquisa de mercado é o que é conhecido como Diagrama SWOT, afim de verificar as forças, oportunidades, fraquezas e ameaças ao seu negócio.

Por último e não menos importante nessa etapa, vem o BENCHMARKING, que se trata de uma pesquisa da concorrência, para ter-se um ponto de referência.

 

  1. VALIDAÇÃO DA IDEIA

É hora de fazer algumas perguntas para verificar se a ideia-produto-solução são realmente válidos, por exemplo:

O Produto é novo?

Ele resolve problemas?

Qual o diferencial?

É fácil de entender?

É viável?

É necessário ressaltar aqui que nem sempre o consumidor terá uma clara noção do problema, o que significa que você precisará investir um pouco mais nos conteúdos, nutrindo assim o seu lead.

Se o seu produto não traz soluções ou se a demanda pra ele é inexistente, talvez seja hora de rever o seu modelo de negócio. Se é um produto que já existe, o que você pode agregar de diferente para o consumidor?

Existem diversas maneiras de validar se o seu protótipo é um Mínimo Produto Viável (MVP), como pesquisas de opinião, testes A/B, consultas a especialistas ou até mesmo disponibilizando a primeira aula, o primeiro capítulo, etc, de forma gratuita e ficando atento ao feedback.

Mas essa é uma etapa de suma importância e que não pode ser menosprezada, isso acarretará muitos prejuízos futuros.

 

  1. CONSTRUÇÃO DE AUTORIDADE

As pessoas e o seu público precisam te conhecer, e mais do que isso: Precisam confiar em você. Para isso é possível criar blogs, vídeos, postagens, enfim, gerar conteúdo para que seja criado um vínculo entre você, criador do produto, e o cliente, consumidor do produto.

Uma estratégia bastante utilizada hoje é a disponibilização de conteúdos de qualidade de forma gratuita, no caso de produtos digitais como e-books ou cursos.

A partir disso você já pode obter o feedback por parte dos clientes, corrigir problemas, e demonstrar o quanto seu produto ou conteúdo é útil e diferente dos demais.

 

  1. PLANEJAMENTO DE MARKETING

Não basta estar nas redes sociais, é preciso planejar cada ação sua dentro de diversas plataformas, como elas irão conversar entre si e como irão atrair, converter e conectar seus consumidores.

Tenha ações interativas nas redes sociais, crie conteúdos que vão agregar no dia de alguém – e mais, conteúdos que valham apena serem compartilhados, dessa forma seu alcance se torna maior ainda.

Trabalhe com os diferentes formatos de anúncio disponibilizados – para FB, Instagram, Google, enfim, por meio dos filtros disponibilizados em cada plataforma de anúncio é possível segmentar e atingir quem você quer atingir.

Tenha como parceiros influenciadores do seu nicho, dessa forma você usará a autoridade que eles possuem no meio a seu favor.

Aposte em webinars e landing pages para que você possa ter lista de e-mails de pessoas que estão mais propensas a seguir você e apostar no seu produto.

 

Agora, ATENÇÃO, um lançamento é uma ótima oportunidade de atração e conversão, mas ele por si só não é garantia de que você será bem-sucedido a longo prazo. Invista em conteúdo de forma constante, converse sempre com sua audiência e não deixe para aparecer apenas perto de um lançamento.

Sem um relacionamento sólido é bem possível que suas estratégias a longo prazo não tenham o resultado esperado.




Veja alguns de nossos projetos


Faça agora um orçamento rápido conosco, o sucesso do seu negócio não pode esperar.

Voltar ao Topo

19 pessoas online no site agora
Venha fazer parte do Clube Esquilo Marketing